Nós e o grande „destrampelhamento“

O senhor Donald Trump é um destrampelhado. Mas é o líder do país que produz os conteúdos das consciências ditas e vendidas por ocidentais. Tratamos o que dá de si, até há pouco declarações, agora actos e factos, com o respeito e o acatamento de dedicados vassalos. Dito diplomaticamente, somos educados.

Selecta e selectivamente educados. Os nossos jornais com aquela informação que nos molda e ensina, querem que os levemos a sério, que vejamos no seu esforço de informação um acto respeitável, independente, limpo. O que lhes chega da capital do império é-nos transmitido com todas as deferências. Se há crítica a fazer será sempre feita no quadro tolerado da diferença de opinião. Com o senhor Donald Trump os nossos jornais não abandonam a etiqueta, são sempre sofisticados.

Mas só com o líder do país que manda nas nossas consciências. Porque o senhor Donald Trump com todo o seu destrampelhamento nunca chegará para a agressividade do senhor Vladimir Putin, o cabeça da dita e vendida ameaça russa. Perante uma ameaça de tal envergadura não precisam os nossos jornais de ser respeitáveis, independentes, limpos. Basta que deturpem e caluniem para serem levados a sério.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s